<$BlogRSDUrl$>

quinta-feira, agosto 14, 2003

O Blaster e a cauda do pavão 

7 de julho um grupo de geeks polacos descobre e divulga uma vulnerabilidade no Windows XP/2000/2003 (um buraco na interface RPC) que permite ganhar o controlo de um computador remoto através da Internet

16 de julho a Microsoft publica no seu site um remendo que tapa o buraco; naturalmente pouca gente o descarrega: ou porque não tem paciência para actualizar o Windows regularmente, ou porque não faz ideia que isso se pode fazer, ou porque tem medo, depois de as agruras da vida lhe terem ensinado que um update do Windows é um bicho perigoso que não se deve enfrentar de ânimo leve e sem um backup de todos os dados importantes

31 de julho o CERT avisa que anda gente a querer espreitar pelo buraco

11 de Agosto o que se esperava há um mês acontece: um tipo com mais miolos que escrúpulos - presume-se que um adolescente borbulhento - lança na Net um verme que encaixa perfeitamente no supracitado orifício; dá-lhe o petit-nom carinhoso de "Blaster"

nota zoocibersociológica: um verme é um bicho que se mete num buraco, trata de se reproduzir lá dentro e depois manda os seus rebentos pela Net para procurar os seu próprios buracos, ganhar independência e formar família (digam lá se não é bonita a cibernética!); por vezes os putos têm pouco sucesso em encontrar um buraco livre e vão-se arrastando em casa do pai até à meia-idade levando por vezes ao colapso das instalações; nestas alturas o Windows vai abaixo

12 de Agosto a minha Amiga Zen telefona a dizer que o computador dela vai abaixo cada vez que se liga à Net; mal sabíamos nós que um multitataraneto do verme que tinha sido criado pelo adolescente borbulhento havia gerado numerosa prole no buraco do seu XP

14 de Agosto é-me revelada a intriga; leio as palavras escondidas na barriga do verme...

...a primeira parte é banal, o costumeiro ataque infantilóide ao papão Gates por ter mais feitos importantes no seu tempo de vida que os que se podem encontrar no somatório das vidinhas ordinárias de metade dos hackers do planeta:

billy gates why do you make this possible ? Stop making money and fix your software!!

...a segunda é bem mais interessante, pondo a nu a motivação primeira do adolescente borbulhento:

I just want to say LOVE YOU SAN!!

Mais uma vez se constata que toda a beleza, a complexidade, a loucura e o génio da criação humana não passam de um elaborado refinamento do comportamento do pavão que ostenta a cauda na tentativa de perpetuar o seu património genético.

This page is powered by Blogger. Isn't yours?